Histórico:

- 23/09/2012 a 29/09/2012
- 19/08/2012 a 25/08/2012
- 12/08/2012 a 18/08/2012
- 08/07/2012 a 14/07/2012
- 25/03/2012 a 31/03/2012
- 11/03/2012 a 17/03/2012
- 19/02/2012 a 25/02/2012
- 12/02/2012 a 18/02/2012
- 15/01/2012 a 21/01/2012
- 08/01/2012 a 14/01/2012
- 11/12/2011 a 17/12/2011
- 04/12/2011 a 10/12/2011
- 06/11/2011 a 12/11/2011
- 16/10/2011 a 22/10/2011
- 09/10/2011 a 15/10/2011
- 02/10/2011 a 08/10/2011
- 15/08/2010 a 21/08/2010
- 30/05/2010 a 05/06/2010
- 18/04/2010 a 24/04/2010
- 10/01/2010 a 16/01/2010
- 13/12/2009 a 19/12/2009
- 27/09/2009 a 03/10/2009
- 13/09/2009 a 19/09/2009
- 09/08/2009 a 15/08/2009
- 19/07/2009 a 25/07/2009
- 14/06/2009 a 20/06/2009
- 31/05/2009 a 06/06/2009
- 24/05/2009 a 30/05/2009
- 26/04/2009 a 02/05/2009
- 19/04/2009 a 25/04/2009
- 05/04/2009 a 11/04/2009
- 15/03/2009 a 21/03/2009
- 15/02/2009 a 21/02/2009
- 01/02/2009 a 07/02/2009
- 18/01/2009 a 24/01/2009
- 30/11/2008 a 06/12/2008
- 09/11/2008 a 15/11/2008
- 26/10/2008 a 01/11/2008
- 19/10/2008 a 25/10/2008
- 12/10/2008 a 18/10/2008
- 28/09/2008 a 04/10/2008
- 21/09/2008 a 27/09/2008
- 31/08/2008 a 06/09/2008
- 06/07/2008 a 12/07/2008
- 22/06/2008 a 28/06/2008
- 15/06/2008 a 21/06/2008
- 25/05/2008 a 31/05/2008
- 20/04/2008 a 26/04/2008
- 24/02/2008 a 01/03/2008
- 20/01/2008 a 26/01/2008
- 06/01/2008 a 12/01/2008
- 11/11/2007 a 17/11/2007
- 28/10/2007 a 03/11/2007
- 23/09/2007 a 29/09/2007
- 29/07/2007 a 04/08/2007
- 22/07/2007 a 28/07/2007
- 08/07/2007 a 14/07/2007
- 01/07/2007 a 07/07/2007
- 24/06/2007 a 30/06/2007
- 13/05/2007 a 19/05/2007
- 22/04/2007 a 28/04/2007
- 18/03/2007 a 24/03/2007
- 11/02/2007 a 17/02/2007
- 04/02/2007 a 10/02/2007
- 28/01/2007 a 03/02/2007
- 07/01/2007 a 13/01/2007
- 17/12/2006 a 23/12/2006
- 10/12/2006 a 16/12/2006
- 03/12/2006 a 09/12/2006
- 05/11/2006 a 11/11/2006
- 15/10/2006 a 21/10/2006
- 24/09/2006 a 30/09/2006
- 10/09/2006 a 16/09/2006
- 03/09/2006 a 09/09/2006
- 20/08/2006 a 26/08/2006
- 06/08/2006 a 12/08/2006
- 30/07/2006 a 05/08/2006
- 16/07/2006 a 22/07/2006
- 02/07/2006 a 08/07/2006
- 04/06/2006 a 10/06/2006
- 07/05/2006 a 13/05/2006
- 30/04/2006 a 06/05/2006
- 23/04/2006 a 29/04/2006
- 02/04/2006 a 08/04/2006
- 19/03/2006 a 25/03/2006
- 05/03/2006 a 11/03/2006
- 19/02/2006 a 25/02/2006
- 12/02/2006 a 18/02/2006
- 29/01/2006 a 04/02/2006
- 22/01/2006 a 28/01/2006
- 15/01/2006 a 21/01/2006
- 01/01/2006 a 07/01/2006
- 18/12/2005 a 24/12/2005
- 11/12/2005 a 17/12/2005
- 27/11/2005 a 03/12/2005
- 20/11/2005 a 26/11/2005
- 13/11/2005 a 19/11/2005
- 16/10/2005 a 22/10/2005
- 18/09/2005 a 24/09/2005
- 04/09/2005 a 10/09/2005
- 28/08/2005 a 03/09/2005
- 07/08/2005 a 13/08/2005
- 31/07/2005 a 06/08/2005
- 10/07/2005 a 16/07/2005
- 03/07/2005 a 09/07/2005
- 19/06/2005 a 25/06/2005
- 05/06/2005 a 11/06/2005
- 22/05/2005 a 28/05/2005
- 15/05/2005 a 21/05/2005
- 08/05/2005 a 14/05/2005
- 01/05/2005 a 07/05/2005
- 24/04/2005 a 30/04/2005
- 17/04/2005 a 23/04/2005
- 10/04/2005 a 16/04/2005
- 27/03/2005 a 02/04/2005
- 20/03/2005 a 26/03/2005
- 13/03/2005 a 19/03/2005
- 27/02/2005 a 05/03/2005
- 13/02/2005 a 19/02/2005
- 06/02/2005 a 12/02/2005
- 09/01/2005 a 15/01/2005
- 12/12/2004 a 18/12/2004



Textos e Poesias:

- Perfil
- Trilogia sobre a arte de dar
- Queria ter dado, mas tenho namorado
- Queria ter dado, mas ele era casado
- Mulher Alface / Mulher Rúcula / Mulher Quiabo
- Sobre 2004...
- Bon Jovi
- Bono Vox
- Sílvio Santos - Antológica
- A mãe do Spielberg
- Plantão na porta do Jassa
- Homem Satélite / Homem Mosca / Homem PF
- Anorexia
- Cor de carne ou cor de carmim?
- Tudo por ela
- Desabafo
- Ainda bem que eu não dei... mesmo!
- Manual de etiqueta para sexo casual
- Obrigada
- Quase...
- Renato Chauí
- Não Provoque, é cor de rosa shock
- Tocar o sonho...
- É tão bom... Paquitas forever
- Manifesto
- O importante é que emoções eu vivi
- Sobre 2005
- Eu sigo ímpar
- I Still Haven't Found What I'm Looking For
- Ah, Noronha!
- Rádio FX
- Querido Brad
- QUE MERDA QUE EU DEI...
- FACA
- MULHER ALFACE - CLIPE TOSCO



Indique esse Blog


Contador:


Realmente quando falei que está cheio de gente legal por aí no post abaixo fui um pouco otimista demais. Não tá não. Insatisfação da mulherada é geral. Até pelos comentários aqui no blog. Eu mesma, a última vez que encontrei um cara que valia a pena foi na Índia. E era casado... Não sei o que acontece. Se a mulherada tá muito atirada e fácil, se os caras estão na retranca, não sei, mas tá tudo uma zona. Às vezes me sinto tão sozinha nesse mundo... Vejo as amigas que casaram e estão infelizes reclamando dos maridos, as solteiras reclamando da falta de homens bacanas, e aí? Pra onde vamos? Eu acredito em sintonia. Num telefonema que vem do outro lado do mundo bem no dia que eu ia fazer um exame barra pesada de biópsia de um nódulo no peito e o nódulo sumiu. SUMIU. A pessoa não tinha a menor idéia do nódulo muito menos do exame. E me ligou 5 minutos antes de eu entrar no médico sem saber de nada. E eu fiquei super feliz, meu humor mudou, e o exame foi cancelado porque o que eu tinha sumiu. Não que o telefonema tenha feito o nódulo desaparecer, mas sintonia é algo super forte e que me faz acreditar cada vez mais na ligação entre pessoas. Muito mais que sexo, casamento, uma trepada. Falo de energia, sintonia, conexão.
As relações hoje em dia estão muito superficiais, cômodas, interesseiras.
Minhas amigas do peito, que sempre preferiram os gringos mil vezes do que os brasileiros falam que está na hora de abandonar a Copa do Mundo (gringos) e jogar o Campeonato Paulista (investir nos caras de SP), de preferência na primeira divisão...
Sei lá se isso dá certo. Eu sempre achei que o que é seu está guardado para vc, e quando vc parar de procurar vem. Não adianta lutar contra o destino, se deixar levar pela ansiedade e ficar tentando preencher o vazio com pessoas nada a ver.
Porque depois que vc encontra alguém que tem tudo a ver e que alimenta tua alma, não vai querer menos do que isso para a tua vida. Mesmo que não seja eterno. Mesmo que tenha sido um encontro. Mas vc vê que existe, que é possível alguém despertar em vc o que vc tem de melhor e mais bonito. Quando vc vive isso, nem que seja por momentos, horas, segundos, vc sabe que não quer menos do que isso para a tua vida.
E espera. Enquanto isso só conhece babacas... Mas começa a ficar cada vez mais fácil perceber babacas e se livrar deles. Vai ficando forte sozinha. Se divertindo com os amigos. Se valorizando. Dizendo não para trabalhos que não paguem o quanto vc acha que merece. Se surpreendendo com sua segurança, parando de querer ser a legal com todo mundo. E incrivelmente percebendo que as pessoas te respeitam muito mais assim. Coisas que ninguém ensina. Que a gente tem que passar por elas para aprender.
Nossa, filosófica eu hoje não? Na verdade ando reflexiva há algum tempo, juntando pedacinhos, sem tentar achar as respostas. Mesmo porque quando a gente acha as respostas, mudam todas as perguntas!!!
Se cuidem, muitos beijos e até breve.

 (Amo esse filme, amo essa trilha sonora. Sempre choro)

 

Um dos meus  melhores amigos de colégio morreu semana passada, dormindo. Um baque, uma porrada. Um cara incrível, engraçado, médico. Muuuito palhaço. Saudades para sempre, Ni




Escrito por Dani Mel às 23h45
[ ] [ envie esta mensagem ]