Histórico:

- 23/09/2012 a 29/09/2012
- 19/08/2012 a 25/08/2012
- 12/08/2012 a 18/08/2012
- 08/07/2012 a 14/07/2012
- 25/03/2012 a 31/03/2012
- 11/03/2012 a 17/03/2012
- 19/02/2012 a 25/02/2012
- 12/02/2012 a 18/02/2012
- 15/01/2012 a 21/01/2012
- 08/01/2012 a 14/01/2012
- 11/12/2011 a 17/12/2011
- 04/12/2011 a 10/12/2011
- 06/11/2011 a 12/11/2011
- 16/10/2011 a 22/10/2011
- 09/10/2011 a 15/10/2011
- 02/10/2011 a 08/10/2011
- 15/08/2010 a 21/08/2010
- 30/05/2010 a 05/06/2010
- 18/04/2010 a 24/04/2010
- 10/01/2010 a 16/01/2010
- 13/12/2009 a 19/12/2009
- 27/09/2009 a 03/10/2009
- 13/09/2009 a 19/09/2009
- 09/08/2009 a 15/08/2009
- 19/07/2009 a 25/07/2009
- 14/06/2009 a 20/06/2009
- 31/05/2009 a 06/06/2009
- 24/05/2009 a 30/05/2009
- 26/04/2009 a 02/05/2009
- 19/04/2009 a 25/04/2009
- 05/04/2009 a 11/04/2009
- 15/03/2009 a 21/03/2009
- 15/02/2009 a 21/02/2009
- 01/02/2009 a 07/02/2009
- 18/01/2009 a 24/01/2009
- 30/11/2008 a 06/12/2008
- 09/11/2008 a 15/11/2008
- 26/10/2008 a 01/11/2008
- 19/10/2008 a 25/10/2008
- 12/10/2008 a 18/10/2008
- 28/09/2008 a 04/10/2008
- 21/09/2008 a 27/09/2008
- 31/08/2008 a 06/09/2008
- 06/07/2008 a 12/07/2008
- 22/06/2008 a 28/06/2008
- 15/06/2008 a 21/06/2008
- 25/05/2008 a 31/05/2008
- 20/04/2008 a 26/04/2008
- 24/02/2008 a 01/03/2008
- 20/01/2008 a 26/01/2008
- 06/01/2008 a 12/01/2008
- 11/11/2007 a 17/11/2007
- 28/10/2007 a 03/11/2007
- 23/09/2007 a 29/09/2007
- 29/07/2007 a 04/08/2007
- 22/07/2007 a 28/07/2007
- 08/07/2007 a 14/07/2007
- 01/07/2007 a 07/07/2007
- 24/06/2007 a 30/06/2007
- 13/05/2007 a 19/05/2007
- 22/04/2007 a 28/04/2007
- 18/03/2007 a 24/03/2007
- 11/02/2007 a 17/02/2007
- 04/02/2007 a 10/02/2007
- 28/01/2007 a 03/02/2007
- 07/01/2007 a 13/01/2007
- 17/12/2006 a 23/12/2006
- 10/12/2006 a 16/12/2006
- 03/12/2006 a 09/12/2006
- 05/11/2006 a 11/11/2006
- 15/10/2006 a 21/10/2006
- 24/09/2006 a 30/09/2006
- 10/09/2006 a 16/09/2006
- 03/09/2006 a 09/09/2006
- 20/08/2006 a 26/08/2006
- 06/08/2006 a 12/08/2006
- 30/07/2006 a 05/08/2006
- 16/07/2006 a 22/07/2006
- 02/07/2006 a 08/07/2006
- 04/06/2006 a 10/06/2006
- 07/05/2006 a 13/05/2006
- 30/04/2006 a 06/05/2006
- 23/04/2006 a 29/04/2006
- 02/04/2006 a 08/04/2006
- 19/03/2006 a 25/03/2006
- 05/03/2006 a 11/03/2006
- 19/02/2006 a 25/02/2006
- 12/02/2006 a 18/02/2006
- 29/01/2006 a 04/02/2006
- 22/01/2006 a 28/01/2006
- 15/01/2006 a 21/01/2006
- 01/01/2006 a 07/01/2006
- 18/12/2005 a 24/12/2005
- 11/12/2005 a 17/12/2005
- 27/11/2005 a 03/12/2005
- 20/11/2005 a 26/11/2005
- 13/11/2005 a 19/11/2005
- 16/10/2005 a 22/10/2005
- 18/09/2005 a 24/09/2005
- 04/09/2005 a 10/09/2005
- 28/08/2005 a 03/09/2005
- 07/08/2005 a 13/08/2005
- 31/07/2005 a 06/08/2005
- 10/07/2005 a 16/07/2005
- 03/07/2005 a 09/07/2005
- 19/06/2005 a 25/06/2005
- 05/06/2005 a 11/06/2005
- 22/05/2005 a 28/05/2005
- 15/05/2005 a 21/05/2005
- 08/05/2005 a 14/05/2005
- 01/05/2005 a 07/05/2005
- 24/04/2005 a 30/04/2005
- 17/04/2005 a 23/04/2005
- 10/04/2005 a 16/04/2005
- 27/03/2005 a 02/04/2005
- 20/03/2005 a 26/03/2005
- 13/03/2005 a 19/03/2005
- 27/02/2005 a 05/03/2005
- 13/02/2005 a 19/02/2005
- 06/02/2005 a 12/02/2005
- 09/01/2005 a 15/01/2005
- 12/12/2004 a 18/12/2004



Textos e Poesias:

- Perfil
- Trilogia sobre a arte de dar
- Queria ter dado, mas tenho namorado
- Queria ter dado, mas ele era casado
- Mulher Alface / Mulher Rúcula / Mulher Quiabo
- Sobre 2004...
- Bon Jovi
- Bono Vox
- Sílvio Santos - Antológica
- A mãe do Spielberg
- Plantão na porta do Jassa
- Homem Satélite / Homem Mosca / Homem PF
- Anorexia
- Cor de carne ou cor de carmim?
- Tudo por ela
- Desabafo
- Ainda bem que eu não dei... mesmo!
- Manual de etiqueta para sexo casual
- Obrigada
- Quase...
- Renato Chauí
- Não Provoque, é cor de rosa shock
- Tocar o sonho...
- É tão bom... Paquitas forever
- Manifesto
- O importante é que emoções eu vivi
- Sobre 2005
- Eu sigo ímpar
- I Still Haven't Found What I'm Looking For
- Ah, Noronha!
- Rádio FX
- Querido Brad
- QUE MERDA QUE EU DEI...
- FACA
- MULHER ALFACE - CLIPE TOSCO



Indique esse Blog


Contador:


SOLIDÃO...

Oi, queridos

Estou há um bom tempo sem escrever, eu sei. Muito muito trabalho, stress no trabalho, quase zero diversão. Digo quase, porque no meio do trabalho a gente sempre dá um jeito de se divertir. Sempre. Mas queria falar de outra coisa. Queria falar de solidão. Às vezes me dá uma tristeza enorme chegar em casa. Tá certo que estou cada vez mais seletiva em escolher com quem quero dividir meu tempo. Mesmo assim, às vezes dá um vazio enorme. Porque há muito tempo já passei da fase de me divertir com os homens errados enquanto eu não encontro o certo.. Acho um desperdício de energia, de foco, de querer enganar a si próprio e ficar se iludindo. Então, se é para viver uma história, que seja eterna enquanto dure, mas que seja de verdade. Vivo conhecendo no trabalho gente interessante. Em entrevistas, cada dia num lugar, com pessoas diferentes. Caminhos que se cruzam. E se vão. Amigos em potencial, namorados, rolos. Todos seguindo seus caminhos, fazendo seus trabalhos e levando suas vidas.

Eu escolhi morar sozinha. Com uma amiga. Grande amiga. Gosto e preciso ficar sozinha muitas vezes. Mas nem sempre. E é nesse nem sempre que vem um puta vazio. De estar fazendo o que eu sempre quis, entrevistando as pessoas na televisão e mesmo assim não estando feliz. Pagando o preço de não ter mais horário para nada, nem para ir ao cinema, de sempre chegar em casa de madrugada e quase nunca poder ver meus amigos. Questiono minhas escolhas e para onde elas estão me levando. Seria muito mais fácil sair na balada, tomar todas e fingir que nada disso está acontecendo. Mas até quando ficar se iludindo, se enganando? Ou namorar alguém por namorar, que não te encante,  não te admire, não entenda seu trabalho, só para tapar um buraco?

Tenho vontade de fazer o Caminho de Santiago de novo, de ir pra Noronha sem data pra voltar, de voltar a fazer música para crianças, sei lá, algo que me tire desse caminho que, por algum motivo, não me faz feliz. Alguém para dividir um sorriso sincero, um sonho escondido, uma vontade de chutar o balde. Sim, tenho um monte de amigos que eu amo, são meu bem mais precioso. Amigos de dividir segredos, tristezas e alegrias. Mas com amigo a gente não dorme pelado e nem beija na boca. Pelo menos com meus amigos não. Dá um trabalho enorme misturar tudo. Sempre alguém se apaixona e dá merda. Enfim, apenas um desabafo que não chega a lugar nenhum. Que o glamour da TV esconde muitas coisas que as pessoas nem imaginam. Que a gente precisa passar por certas coisas pra saber se é ou não o que a gente quer da vida. E não adianta  alguém tentar ensinar. A gente tem que viver pra saber.

Eu estou vivendo, tentando, errando, acertando, chorando, sentindo. E você?

Um beijo enorme

 

 

Para não perder o costume, fotos de alguns bons momentos. Com Monique no programa"A Casa é sua", uma fofa, um coração lindo. Com a Rafaela Rômulo, gatinha sósia da Ana Paula Arósio. Paulinho Vilhena, sem comentários, uma graça. Entrevistando José de Abreu em Gramado. E com a melhor surpresa do Festival de Cinema de Gramado, Monicats, repórter como eu do TV Fama.  Viagens unem as pessoas de uma forma única e especial. Dá-lhe loirão!

O quarto mais Barbie que alguém já viu : o nosso. E sem essa de mulher com mulher. Somos muito bem resolvidas e nosso negócio é homem mesmo. Beijos

 

 

 

 

 

 

 

 



Escrito por Dani Mel às 00h10
[ ] [ envie esta mensagem ]